Sintufejuf, APES e DCE realizam seminário sobre Reforma da Previdência

Com o objetivo de discutir os impactos da PEC 6/19, na última segunda-feira, 27 de maio, o SINTUFEJUF, APES e DCE realizaram o seminário “Reforma da Previdência: o que está em jogo?”. O evento foi dividido em dois momentos. No primeiro, o assessor jurídico da APES Leonardo de Castro Pereira, apresentou as principais mudanças que serão provocadas, caso a proposta de Reforma da Previdência de Bolsonaro seja aprovada. Para isto, o assessor fez comparações da proposta chamada de “Nova Previdência” com o modelo vigente, dando ênfase separadamente às mudanças que afetam o servidor público e regime geral, passando também pelas regras de transição. Segundo ele, com a proposta de contribuição extraordinária, até mesmo o trabalhador já aposentado poderá ser afetado, uma vez que em caso de déficit na previdência, o percentual de contribuição poderá aumentar por até 20 anos. Confira AQUI a planilha apresentada no seminário.

A segunda parte do seminário foi reservada para o debate com os parlamentares, no entanto, somente a deputada federal Margarida Salomão compareceu ao evento.

Na ocasião, a deputada falou sobre o cenário no Congresso Nacional e a pressão do sistema financeiro. Ela lembrou que a proposta de Reforma da Previdência de Michel Temer não passou no congresso porque a legislatura escutou as vozes das ruas. Por isso, ela afirma a importância de manter as mobilizações e dizer aos parlamentares que caso a Reforma seja aprovada, eles não serão reeleitos

SINTUFEJUF

SINTUFEJUF