SINTUFEJUF inaugura nova sala das/os aposentadas/os e aposentandas/os

            As aposentadas, aposentados, aposentandas e aposentandos estão ainda mais próximos da direção, dos ativos e da luta sindical. Foi com esse objetivo que desde o dia 28 de junho, sexta-feira, a sala que funcionava na Halfeld, destinada a este segmento da categoria passou a funcionar dentro do SINTUFEJUF.

Com um ambiente que proporciona conforto e descontração, a nova sala é um espaço também para receber as trabalhadoras e trabalhadores que contribuíram para a construção e crescimento do sindicato. A antiga sala funcionava em espaço físico longe da sede administrativa e até mesmo da universidade, e com isso havia um distanciamento também entre as pessoas e as atividades que o sindicato promove. Conforme a coordenadora geral do SINTUFEJUF, Maria Angela Costa, a nova sala contribuiu para a unidade da categoria, que na atual conjuntura se faz ainda mais necessária. “Como a gente consegue a unidade, estando os ativos de um lado e aposentados de outro? Este é um dos principais objetivos da sala dentro do sindicato: juntar ativos, aposentados e a direção, e com isso envolver todos na luta diária, que é conjunta” afirma.

O vigilante aposentado João Francisco de Freitas aprovou o novo espaço de convivência. “É um ótimo projeto. Agora a gente vai poder fazer reunião com os companheiros aposentados e até mesmo se divertir. A sala é muito confortável. Vou trazer meu violão para tocar músicas do tempo do meu avô”. Ele destaca a importância da aproximação para o fortalecimento da categoria. “A gente tem que debater as nossas causas e agora tem essa oportunidade. Este governo não gosta de trabalhador e nem de aposentado. Por isso, o povo tem que se unir, ir à luta”, defende João Francisco.

Deste modo, segundo Maria Angela, a partir dessa maior aproximação, facilita a troca de informações, o resgate da experiência deste segmento da categoria, além de ser uma forma de mobilizar as trabalhadoras e trabalhadores que se aposentam, para que jamais desistam da luta. Isto porque os aposentados estão incluídos na pauta do serviço público federal, como a manutenção da paridade salarial, manutenção dos aposentados vinculados a folha de pagamento, a necessidade de aprovação da PEC 555/06 (que extingue a cobrança previdenciária dos aposentados). “A união se faz necessária principalmente na atual conjuntura, em que a proposta de Reforma da Previdência de Bolsonaro atinge também trabalhadoras e trabalhadores que já se aposentaram. Nossa felicidade de ter inaugurado esta sala é a gente estar mais juntos, mais perto, produzindo esse reencontro, para assim nós estarmos unidos nas pautas que tem a ver com todos nós. Quem não é aposentado é aposentando, então o que atinge um, atinge a todos. A luta se faz cada vez mais necessária, inclusive estarmos juntos nas ruas, nas manifestações. Para isto temos que estar envolvidos no dia-a-dia, acompanhando tudo o que está acontecendo e que ameaça a todos nós, ativos e aposentados. É preciso manter a unidade de toda a categoria, que fica ainda mais forte dentro do sindicato. Assim, convocamos a todas e todos para assembleia geral no dia 08, às 8h30 na FACC e para o dia 12 de julho irmos as ruas contra essa proposta de Reforma da Previdência”, diz Maria Angela.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é QgMbr200bz9XiwnFL86pXiTU6yT-0Gou109eS7BKLbLd45GRiMIoKxwk-ck5oeYh2HcD9jvR7HV7VIDXvMs7lCGMTgcKYaNz_VdE672m53aQl2b0pnaqm431comM_kRfpwOoxnka

Para a coordenadora de Aposentadas/os, aposentandas/os, pensionistas e assuntos de aposentadoria Maria de Fátima Berion, esta é uma forma de aproveitar melhor o espaço físico do sindicato. “O sindicato é dos sindicalizados. (…) A gente [aposentados] tem a nossa força. E não é ficando dentro de casa que a gente vai mudar as coisas. A gente vai mudar a hora que a gente votar, se manifestar e pôr a nossa opinião. Aí vai funcionar” opina.

Também coordenadora de Aposentadas/os, aposentandas/os, pensionistas e assuntos de aposentadoria, Isabel Cristina, acredita que esta seja uma enorme conquista para todos os servidores  aposentados e aposentandos. “Estamos trabalhando em conjunto com outras coordenações, em reuniões, é um trabalho coletivo, com atividades bem legais. E inclusive estamos ouvindo o que eles esperam e querem realizar. O espaço foi criado para aproximação. Um lugar feito, repensando com carinho e dedicação e envolvimento de todos. Um ambiente agradável, com área verde, espaço agradável” conta .

Segundo a coordenadora de Saúde, Luana Lombardi, toda a sala foi pensada pelas coordenações com a inserção de elementos para promover aspectos importantes para os aposentados, com ergonomia, conforto e a maior segurança possível. “Estes elementos proporcionam um convívio entre eles, com estreitamento dos laços, momentos de descontração, além de atividades que desenvolvam aspectos motores e cognitivos, através dos jogos. É um ambiente que proporciona também momentos de relaxamento, por isso a escolha das plantas e do aquário. O ambiente foi pensado para ser adaptado às questões específicas deste público, com ergonomia. Alguns espaços, conforme o uso ainda serão adaptados. Em breve o banheiro será adaptado, para que eles possam ter o maior conforto e segurança possível” explica.

De acordo com a coordenadora de Aposentadas/os, aposentandas/os, pensionistas e assuntos de aposentadoria, Angelisa Silva, o espaço será aproveitado para oferecer diversas atividades aos usuários. “Pensamos numa proposta de reuniões, oficinas, minicursos e pequenos eventos para estimular a convivência e a confraternização entre os aposentados”, conta.

As atividades serão ofertadas conforme as necessidades do público, com o objetivo de descontrair, melhorar questões da saúde física e mental. Deste modo, serão realizados cursos nas áreas de alimentação e saúde entre outras. Por isso, a sala ficou próxima a copa, que será de uso exclusivo para este público, formando um ambiente integrado.

Além disto, terá oferta de livros com temáticas específicas, para promover a leitura tanto de lazer, quanto com temáticas da categoria, desenvolvendo o conhecimento político. A sala foi equipada também com televisão e computador com acesso à internet, para serem usados como ferramenta de cursos e para o lazer dos aposentados.

O funcionamento da sala é de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, no entanto, é necessário consultar a disponibilidade de agenda dos cursos e reuniões, que serão sempre divulgados previamente.

A diretoria executiva do SINTUFEJUF, a coordenação de Aposentadas/os, aposentandas/os, pensionistas e assuntos de aposentadoria e a equipe de funcionárias/os aguardam a sua visita!



SINTUFEJUF

SINTUFEJUF