Resolução que suspende atividades administrativas será atualizada após trabalho do comitê administrativo

Diante da permanência da pandemia do Coronavírus, com aumento de casos confirmados e suspeitos da doença, a resolução nº 10/2020 do Conselho Superior, que suspendeu por 15 dias as atividades presenciais acadêmicas e administrativas (salvo os serviços definidos como essenciais ou estratégicos pelo conselho) no âmbito da UFJF, está sendo atualizada. Conforme a resolução, o prazo de suspensão termina esta semana, porém o mesmo será estendido.  De acordo com o coordenador geral do SINTUFEJUF, Flávio Sereno, a resolução será substituída por uma portaria do reitor, elaborada a partir do comitê administrativo criado pela própria resolução, do qual o SINTUFEJUF faz parte, juntamente com APES, DCE, representantes da reitoria, dos diretores de unidade acadêmica, e de mais dois conselheiros escolhidos na última reunião do CONSU.

Segundo Flávio, a portaria irá atualizar os termos da resolução e definir novo prazo para a manutenção da suspensão. “Não há indicação ou proposta de volta às atividades presenciais não essenciais ou estratégicas por enquanto. O comitê está desde ontem discutindo os termos dessa portaria que deve ser publicada no máximo até amanhã”, afirma.

Em relação ao termo “estratégico” utilizado na resolução para definir algumas das atividades que não seriam suspensas, Flávio explica que o SINTUFEJUF se posicionou contrário, por considerar que era muito subjetivo, podendo dar margem a múltiplas interpretações. “Nossa proposta era que fosse retirado e mantido apenas o termo ‘essencial’. Houve votação no CONSU e a proposta vencedora foi a de manter esta definição de “estratégico”, apesar de nosso voto contrário”, explica. Desta forma, a negociação seguinte foi a de que a resolução definisse  quais eram os setores essenciais e estratégicos para que isso não ficasse dependente da interpretação de cada dirigente.

SINTUFEJUF

SINTUFEJUF