FASUBRA E SPFS ORIENTAM ADESÃO DAS BASES EM DIA NACIONAL DE LUTAS, PARALISAÇÕES E MOBILIZAÇÕES, CONVOCADO PELAS CENTRAIS SINDICAIS

A Direção Nacional da Fasubra, o Fórum Nacional dos Servidores Federais (FONASEFE) e o Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (FONACATE), em reunião no dia 17 de julho, aprovaram a orientação junto às entidades de base, de participação do Dia Nacional de Lutas, Paralisações e Mobilizações – Dia do Basta! – 10 de agosto. Convocada pelas Centrais Sindicais, a data marca a luta contra o desemprego e contra as privatizações, a defesa da aposentadoria (contra a reforma da previdência) e dos direitos das trabalhadoras e trabalhadores e o repúdio aos preços abusivos dos combustíveis. De acordo com o coordenador geral da Fasubra, Antônio Alves Neto (Toninho), o objetivo da luta é dar um “Basta” aos ataques dos governos, além de defender as reivindicações dos trabalhadores e dar continuidade à campanha salarial 2018. ‘‘Vamos aproveitar a data para encampar a Campanha Salarial 2018,  fazer toda a movimentação necessária e indicar as entidades a realizarem atividades, no intuito de pressionar o governo na retomada da negociação’’, afirma.

Para fortalecer o embate com um governo que não está disposto a negociar, a Fasubra Sindical participa de campanha conjunta com o Fonasefe e Fonacate. O documento com a pauta das entidades foi protocolado junto ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) em fevereiro deste ano. No dia 28 do mesmo mês, a Fasubra se reuniu com os Ministérios do Planejamento e Educação. No entanto, o Planejamento alegou mudança de governo para justificar sobre a questão do não cumprimento do acordo de 2015, além de não aceitar negociar reajuste salarial e não responder questões sobre se haveria ou não alterações na carreira do TAE.

No dia 06 de abril, um novo ofício foi encaminhado ao Ministério da Educação e Cultura (MEC) e ao MPDG cobrando audiência para debater a quebra do acordo de greve 2015 e o decreto nº9262/2018, que extinguia cargos do serviço público.

Após a mudança de gestão da Fasubra, a Federação reforçou o pedido de agenda com o governo. Segundo Toninho, durante a audiência pública na Comissão de Legislação Participativa da Câmara dos Deputados, ocorrida no dia 07 de junho, para debater o tema “Crise dos Hospitais Universitários pós lei 12.550/2011”, a Federação cobrou do Ministério da Educação resposta aos ofícios para discutir a pauta dos trabalhadores. O MEC respondeu que enviaria retorno ao deputado Glauber Braga. No entanto, até o momento não há agenda.

No dia 12 setembro, o ministro Antonio Dias Toffoli irá assumir a presidência do Supremo Tribunal Federal, no lugar da ministra Cármen Lúcia. Na data, a Fasubra indica um novo dia nacional de lutas, com a possibilidade de Caravanas para Brasília, com o objetivo de pressionar o novo presidente do STF em defesa da data base do serviço público.

Para deliberar sobre a adesão à paralisação nacional do dia 10 de agosto, o Sintufejuf convocou assembleia geral da categoria no dia 30 de agosto, às 8h30 em Juiz de Fora (anfiteatro da reitoria da UFJF), às 13h30 no anfiteatro do bloco administrativo do Instituto Federal Sudeste MG (campus Juiz de Fora) e no dia 02 de agosto às 13h30 em Governador Valadares (colégio Pitágoras, sala 305). Desta forma, é fundamental a participação da categoria na construção das atividades de mobilização, conforme orientação da Fasubra. O Sintufejuf está em diálogo com a Associação dos Professores do Ensino Superior (APES) para organizar uma atividade conjunta.

Participe! Lugar de Tae é na luta!

Assembleia da UFJF em JF: https://bit.ly/2zZICH5

Assembleia da UFJF em GV: https://bit.ly/2LiV4Xx

Assembleia do IF Sudeste MG (campus JF e Reitoria): https://goo.gl/pfhk4T

 

 

SINTUFEJUF

SINTUFEJUF