COCP divulga resultado final da Consulta Pública 2019

Foto: Apes

A comunidade acadêmica da UFJF escolheu Marcos David e Girlene Alves na Consulta Pública 2019 para a próxima gestão da universidade. Única chapa concorrente ao pleito, os atuais dirigentes obtiveram 9.416 mil votos válidos dos três segmentos da instituição. Entre os técnico-administrativos, a chapa recebeu 857 votos. 

A votação ocorreu nos dias 08 e 09 de outubro e contou com 29 urnas, distribuídas na Apes, Faculdades de Direito, Economia, Educação, Engenharia, Educação Física, Farmácia, Medicina, Letras, Odontologia, Comunicação Social e Serviço Social, além do IAD, ICB, ICH, ICE, João XXIII, Reitoria, Restaurante Universitário Centro, Governador Valadares (Pitágoras, Univale e Sede administrativa) e nas unidades HU Santa Catarina e Dom Bosco. A apuração dos votos terminou por volta das XXh do dia 10 de outubro.

De acordo com o presidente da comissão organizadora da Consulta Pública, Augusto Cerqueira, a participação dos três segmentos foi expressiva, reafirmando a democracia nas instituições federais de ensino. “ A UFJF se coloca no pólo de resistência, valorizando o processo de escolha democrática para a administração e a as entidades foram fundamentais para que esse processo pudesse acontecer e transcorresse da forma que foi” opina. Segundo ele, o andamento do processo foi tranquilo e o planejamento inicial da comissão foi cumprido, tendo ocorrido três debates, a votação aconteceu nas datas previstas pelo regimento, sem qualquer ocorrência e a apuração foi concluída por volta das 3h da manhã do dia 10. “O que foi proposto pela comissão organizadora acabou se realizando, conseguimos cobrir o campus da UFJF em JF e e GV”. 

Para ele, é importante que a vontade da comunidade acadêmica seja respeitada no conselho superior, pelo MEC e pelo presidente da república. ‘‘Vivemos numa sociedade democrática. Vamos lutar e ser resistência contra o autoritarismo e contra a diminuição dos espaços democráticos na sociedade’’, afirma o presidente da COCP. 

Segundo o coordenador geral do Sintufejuf, e vice presidente da COCP, a possibilidade de escolher democraticamente a gestão da universidade é uma conquista de mais de três décadas do movimento estudantil e sindical. “Da mesma forma que a gente lutou muito para esta conquista no passado, estaremos dispostos a lutar para manter, caso haja qualquer problema na nomeação dos escolhidos pela comunidade universitária através do processo de consulta pública” declara.

O mandato da atual gestão da UFJF (2016/2020), composta por Marcus David e Girlene Silva encerra em abril de 2020. 

Confira o resultado: https://sintufejuf.org.br/wp-content/uploads/2019/10/Final-1.pdf

SINTUFEJUF

SINTUFEJUF