Carta aberta de entidades da educação e movimentos estudantis denuncia ataques do Governo às instituições de ensino

A Fasubra Sindical entre outras entidades da educação e movimentos estudantis divulgaram hoje, 10 de maio, uma carta aberta à sociedade denunciando os ataques à educação no Brasil. O documento destaca os cortes nas políticas educacionais (ensino superior e educação básica), a ameaça de acabar com a vinculação constitucional que assegura recursos para a educação, a ameaça ao livre pensamento, o ataque à educação pública de qualidade, além do ataque á soberania e autonomia das Universidades.

Confira o documento na íntegra: https://bit.ly/2JfiSKk

SINTUFEJUF

SINTUFEJUF